quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Conversa de taberna: A Lenda de Drizzt, o jogo de tabuleiro



Pimpolhos, desculpem pela última semana e o post relâmpago de hoje. Todavia, uma série de problemas profissionais e pessoais está mantendo a minha cabeça a mil, e ando tão preocupada que nem em RPG consigo pensar direito. Se tudo der certo, na semana que vem voltamos a Taberna na sua melhor forma.
Fiquem agora com esse joguinho do fofis do Drizzt.



Dungeons & Dragons: The Legendo of Drizzt – Board Game é um jogo cooperativo para de 1 a 5 jogadores, baseado nos romances best-sellers sobre as aventuras de Drizzt Do’Urden. As aventuras de Drizzt Do’Urden, como são contadas nos romances de Forgotten Realms escritos por R.A. Salvatore, best-sellers segundo o New York Times , ganham vida nesse emocionante jogo de tabuleiro. Assuma o papel do lendário patrulheiro drow ou de um de seus famosos companheiros de aventuras, lutando contra inimigos terríveis, e ganhando tesouros e glória.

Criado para de 1 a 5 jogadores, Legend of Drizzt apresenta múltiplos cenários, missões desafiadoras, e jogo cooperativo. O conteúdo deste jogo pode ser também combinado com os outros jogos de tabuleiro do D&D Adventure System Cooperative Play, incluindo Castle Ravenloft e Wrath of Ashardalon , para criar uma experiência de jogo ainda mais excitante.

O jogo inclui os seguintes componentes:
·                    42 figuras de plástico de heróis e monstros
·                    13 cartelas de masmorras montáveis
·                    200 cartas de encontro e de tesouro
·                    Livro de regras
·                    Livro de cenário
·                    1 dado de 20 faces


Como seus predecessores, Ravenloft e Wrath of Ashardalon, Drizzt é um pacote fino na superfície; apenas 13 cenários, e cada um desses exigem um certo número de jogadores. Se tem três jogadores pode esquecer sobre a reprodução de um cenário para quatro jogadores, por exemplo. O segredo no valor de replay para o jogo é no fato de que esses cenários são aleatórios, as dungeons que você explora são construídas conforme você joga, e monstros, armadilhas e tesouros são escolhidos aleatoriamente de um baralho de cartas.

Isto tem um efeito duplo; os cenários são essencialmente ilimitado na prática, uma vez que haverá algo novo para experimentar toda vez.

O outro benefício para a randomização é que os próprios jogos podem se tornar bastante desafiadores. Embora Drizzt é um pouco mais equilibrado do que Ravenloft, este ainda é um jogo cooperativo que exige trabalho em equipe para obter o sucesso genuíno. Um acréscimo final agradável para aumentar a longevidade dos jogos é que um dos cenários é, essencialmente, um modo de ataque sem fim de pontuação.

O jogo também se recusa a se atolar com o tempo de inatividades. Jogadores inativos, ou seja, sem explorarem a dungeon, ainda irá resultar no que o jogo chama de "encontro" (cartas de inimigos a serem puxadas). Raramente estas são agradáveis. É ganha-ganha para o jogo, uma vez que significa que se os jogadores decidam explorar a dungeon ou ficarem no mesmo local, ainda assim terão combates com inimigos.

O jogo dura um período de tempo razoável (um par de horas é mais do que suficiente para jogar uma aventura deste jogo), e o seu dinamismo proporciona uma experiência extremamente atraente.

A apresentação é de primeira classe, também. Há um monte de montagem envolvida com o unboxing do jogo, já que se tem folha após folha de telhas e ícones para se destacar, mas vale a pena. As dungeon tiles possuem uma boa qualidade, e as miniaturas são bem detalhadas.



É um pouco decepcionante que as miniaturas são de uma cor apenas, quando a série de miniaturas de Dungeons & Dragons lançada há alguns anos atrás, provou que a Wizards of the Coast poderia fazer miniaturas coloridas em grande escalas, e como trata-se do Drizzt você quer uma alta qualidade visual representação as batalhas icônicas, mas por outro lado, o código de cores permite uma fácil identificação entre heróis e monstros.

De tudo, é apenas um jogo emocionante e divertido. É ótimo para se passar algumas horas com os amigos, principalmente quando estão querendo sair um pouco do RPG tradicional.

Aqui você pode ver o passo-a-passo de uma partida em um vídeo apresentado por um dos designers do jogo The Legend of Drizzt.


Legend of Drizzt foi lançado em 18 de outubro, nos Estados Unidos.

Postado por Bel.

BelBel é uma leitora compulsiva, e aficionada por RPG, HQs, séries, filmes e outras nerdices em geral. É apaixonada pelo Drizzt Do Urden e por sapatos. Além, de ser péssima com nomes e incapaz de, até mesmo, criar um apelido decente.

4 comentários:

  1. adorei a postagem, bel!

    posso pedir para vc considerar no futuro falar dos outros? (o de ravenloft, do dragao, e sei la se tem mais?)

    ResponderExcluir
  2. O do Ravenloft um amigo tem, já joguei varias vezes ele, e realmente é muito bom. Este do Drizzt deve ser muito legal também.

    Ótimo post Bel ^^

    ResponderExcluir
  3. Olá galera da Ordem do RPG! Com a saida do Clerigo do blog, gostaria de conversar com alguem de voces sobre como continuara a parceria que o blog tem com a FunBox.

    E Bel, parabéns pela matéria! Ficou excelente! [ )]

    ResponderExcluir

Seja um comentarista, mas não um troll! Comentários com palavrões ou linguagem depreciativa serão deletados.