terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Aleatório: tornando os PVs mais realistas

 Pontos de vida. Em vários sistemas eles são usados como medida da resistência dos personagens, mas as vezes criam um paradoxo; Não importa se você está com a "barra de vida" cheia ou se resta apenas aquele mísero PV. Você continua em pé do mesmo jeito, tive uma idéia para contornar isso.
____________________________________________________________

A coisa é bem simples na verdade. Pegue o total de pontos de vida do personagem (ou NPC, criatura ou o que seja) e divida em quatro ou cinco partes iguais (arredonde os numeros para baixo ou para cima, dependendo da campanha, cenário e sistema). Conforme os pontos de vida forem diminuindo e ultrapassando as partes adicione penalidades em todos os testes físicos do personagem no mesmo número de partes ultrapassadas. Parece confuso? Na verdade não é.

Vamos ver um exemplo manolos. Digamos um personagem com 20 pontos de vida. Você divide esse total em cinco partes de 4 PV cada, conforme ele se fere vai sofrendo os efeitos conforme a tabela abaixo.

17-20: Normal. Ele está ileso ou com ferimentos superficiais. Nenhuma penalidade aplicada.
13-16: Levemente ferido. -1 de penalidade em todos as jogadas que envolvam esforço físico.
9-12: Ferido. -2 de penalidade em todos as jogadas que envolvam esforço físico.
5-8: Gravemente ferido. -3 de penalidade em todos as jogadas que envolvam esforço físico.
1-4: A beira da morte. -4 de penalidade em todos as jogadas que envolvam esforço físico.

Perceba que o personagem vai ficando cada vez mais fraco, representando justamente o sangue perdido, os músculos sobrecarregados, ossos deslocados e coisas nesse sentido. Essa regra abrange variações, você pode dividir o total dos PVs em  mais ou menos partes tornando sua campanha ainda mais realista (e cruél). Ou então você pode simplesmente colocar uma penalidade de -5 em sistemas d20 (ou algo equivalente no sue sistema) quando o personagem estiver perto da morte. Só lembrem que se forem usar essa regra em sua mesa o mais indicado é que ela se aplica para todos os personagens, tanto dos jogadores quanto do mestre.

PS1: Gancho de aventura usando essa regra. Um reino vizinho descobriu um composto alquímico que faz com que seus soldados quase não sintam fadiga ou dor. Agora com esses soldados super resistentes que podem lutar em condições extremas com vigor e moral no nível máximo o reino vizinho inicia uma campanha expancionista ameaçando a terra dos PJ´s.

PS2: Estava assistindo o anime Berserk de madrugada quando tive a idéia dessa regra. Recomendo muito tanto a série animada quanto o mangá, o cenário se assemlha muito a um World of Darkness (mundo das trevas) medieval, quase todos são corruptos, bondade praticamente não existe, o próprio ar parece carregado de energia negativa e criaturas hediondas brincam com as vidas dos mortais. Em Berserk o cavaleiro de armadura brilhante é um ser abominável, e o cavaleiro negro é um justiceiro amargo que não busca justiça, mas vingança.
Hiago AzuredHiago Azured, Roleplayer 4/Powergamer 1; tendência:??? FOR 8, DES 12, CONS 10 INT 17, SAB 9, CAR 15 Além de rpgista é metaleiro, DeMolay, nerd, otaku e agnóstico. Costuma chamar as pessoas de "manolo", tem leve tendência a falar de forma exagerada, joga todo e qualquer cenário/sistema que aparecer em sua frente. Por algum motivo considera a amizade verdadeira uma forma superior de amor. Anime favorito: BERSERK. Mora no Acre e é criador do Crônicas do Nerd Perdido.

10 comentários:

  1. Berserk é muito legal!!
    Gutz é um dos meus personagens favoritos!
    O Spike do Cowboy Beebop tbm.

    Boa dica dos Pvs =D

    ResponderExcluir
  2. Berserk é o melhor manga que ja vi! Tmb recomendo, e muito.

    Vale destacar as regras de pvs do sistema M&M (Mutantes e Malfeitores) que usa condições como machucado, abatido, desabilitado, no lugar de numeros, e cada condição traz uma penalidade. Além de deixar os combates bem rapidos, a sensação de realismo é bem grande. Recomendo o sistema, muito bom mesmo.

    ResponderExcluir
  3. Boa regra, gostei tambem do gancho, se alguem tiver ganchos para aveturas separados ae, eu adoraria que postasse.
    XD

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Excelente post.

    Concordo plenamente com mestre Walla; podemos criar diversas maneiras de lidar com os pontos de vida (escrevi inclusive um post sobre isso em http://elgalor.com), mas devemos ter em mente que as coisas não devem ficar realistas demais, pois isto fugiria um pouco da proposta de um jogo de fantasia como D&D.

    ResponderExcluir
  6. Muito bom post...de certa forma no vampiro acaba acontecendo isso (pelo menos na epoca em q jogava). Apesar de nao ter pontos de vida, tinha níveis de escoriações que aos poucos causavam reduções nos atributos. Acho a divisão por partes do corpo bem interessante tb.

    ResponderExcluir
  7. é uma boa regra alternativa.

    vale lembrar que o D&D em si usa os pvs nao como pvs, mas como pontos de acerto.
    é a medida de batalha usada para ver ate onde o personagem/monstro consegue luatr antes de receber um golpe fatal.

    algumas regras opcionais podem ser usadas, como a citada acima ou de que para danos maiores (tipo, 15 pontos de dano vindos de uma unica fonte), se da alguma penalidade.
    enfim, muito bacana

    ResponderExcluir
  8. Muito legal, Hiago, me fez lembrar de uma regra alternativa que saiu lá nos Dragões do Sol negro há uns meses, que discorria sobre PVs localizados, além das penalidades pela perdad de vida.

    ResponderExcluir
  9. Excelente idéia essa Hiago! Simples e bem prática na minha opnião. Acho que vou testa-lá no meu sistema, sei que PJ vai chiar até o carnaval, rsrsrs. Mas acho que pode tornar o jogo mais interessante e de certa forma realista como vc disse.

    Ps.: Esse gancho seria a história do "Capitão Faerun"? O capitão América Medieval? rsrs

    ResponderExcluir
  10. Hiago vc copio a minha ideia que eu dei para vc(mais não to com raiva ta amigo e mestre)sim vamos fala de uma coisa que presta.

    Ai pessoal conhesa o novo livor do Hiago (para quem não me conhece eu sou um dos jogadores de RPG quem é o mestre? o Hiago)o nome do sistema é Generic 2d6, vamos ver em que vai da.
    O link:http://www.4shared.com/document/ky7IkxNQ/generic_2d6_RPG.htm

    ResponderExcluir

Seja um comentarista, mas não um troll! Comentários com palavrões ou linguagem depreciativa serão deletados.