sábado, 10 de janeiro de 2015

O ABC do RPG: O Que é e Como Jogar RPG?



Então você está afim de conhecer melhor esse joguinho estranho que tanta gente comenta e que a turma do Big Bang Theory joga? Ou quem sabe você já conhece e quer começar a jogar mas não sabe como? Ou ainda, você já joga e quer mais jogadores para nosso amado hobby? Bom, vamos dar uma ajudinha para vocês. Vamos aprender a jogar RPG! E o melhor: sem gastar nenhum centavo!

A chegada da nova edição do D&D trouxe uma grande leva de novos jogadores, além de interessados em saber porque um jogo que está em um livro faz tanto sucesso. No entanto, senti falta de posts que ajudem essa galera a começar a jogar. Para sanar esse problema, resolvi criar uma série de posts voltados a esse público. Então, se você quer começar a jogar, a hora é essa!
Neste primeiro post, falaremos do básico: o que é RPG e do que é preciso para começar a jogar.

O que é RPG?
RPG é uma sigla em inglês que significa "roleplaying game", ou seja, "jogo de interpretação de papéis". Em um resumo bem simples, trata-se de um jogo cujo objetivo é criar uma história coletivamente. Um dos jogadores assume o papel de Dungeon Master (ou apenas Mestre, em português). Ele é o narrador e árbitro do jogo. Os demais jogadores assumem os personagens principais, os protagonistas da história.
Sabe quando você está assistindo ao Game of Thrones, Vikings ou mesmo Walking Dead e pensa: "poxa, se eu estivesse ali, teria feito tal coisa". O RPG lhe permite fazer isso, viver a história. E o melhor de tudo, no conforto e segurança da sua mesa de jantar.
Para um exemplo de como o jogo funciona, eis uma partida que jogamos on-line, mestrada pelo Igor Moreno, autor do Space Dragon, um RPG de ficção espacial. Claro, na mesa, todos juntos, fica muito mais fácil, mas, é mais para dar uma ideia de como o jogo funciona.

E o que eu preciso para jogar?
1º Os Jogadores
Convide dois, três ou quatro amigos para jogar com você. Assim, com poucos, é melhor para você começar. Convide aquele gamer viciado, aquele fã de Game of Thrones, aquela garota que debate sobre Harry Potter ou mesmo aquele magrão que faz academia com você (um dos nossos jogadores mais antigos é um rato (atroz) de academia), afinal, o RPG é para todos!
Um deles deverá ser o Mestre. E por que não você? Teremos (aliás, até já temos) vários posts para lhe auxiliar nesse trabalho, carinha! Não se preocupe! Enfim, alguém deverá ser o Mestre e os demais os Jogadores (também temos/teremos posts para vocês!). Reúnam-se, combinem como serão os encontros (onde, com que frequência, quem trará os comes e bebes, etc) e criem seus personagens (semana que vem, falaremos como fazer isso, fiquem ligados!).

 Jogar RPG em um porão bacana como esse... uma resolução de ano novo!

2º O Jogo
Existem inúmeros RPGs no mercado, inclusive nacionais! Mas, se você está mal de grana, não precisa gastar nenhum centavo para jogar RPG. Não, não estamos incentivando a pirataria! Pelo contrário: se puder, compre. Isso ajuda as editoras a lançar mais títulos e tornar nosso hobby ainda mais difundido.
Não é necessário ser pirata para conseguir material de graça. O nosso querido Old Dragon, por exemplo, tem o Fast Play Test (que você consegue aqui, na página de downloads da RedBox).
Além disso, a nova edição de D&D (o primeiro RPG e o mais famoso) permite que você baixe as regras básicas no site da Wizards (produtora do jogo). Sabendo que nem todo mundo manja do idioma do Tio Sam, a galera do grupo D&D Next  (Brasil) no Facebook traduziu os dois PDFs para nosso idioma tupiniquim! Embora não estejam atualizados (ainda), já são uma grande ajuda para quem está começando!
As Regras Básicas de D&D (aqui) apresentam tudo que você precisa para criar seus personagens e todas as regras para combates, movimentação e exploração. Ou seja, o PDF possui todas as regras que você precisa para jogar o D&D.
Já o livro Regras Básicas de D&D Mestre (aqui) apresenta as regras adicionais para o Mestre, como itens mágicos, distribuição de XPs e monstros (ensinaremos como usar essas regras em breve).

Talvez você não saiba, mas o Caverna do Dragão, é puro RPG!
3º Os Dados
Já vimos que o RPG é um jogo de contar histórias: o Mestre narra o que está acontecendo e os Jogadores decidem o que irão fazer. E como saber se a ação deu certo ou não? Para isso, existem as regras e os dados. As regras dizem qual dado deve ser rolado para cada situação.
Tanto o Old Dragon quanto o D&D utilizam dados diferentes daquele cúbico que você está acostumado a usar no Banco Imobiliário. Dados com quatro, oito, dez, doze e vinte lados (o mais icônico do jogo!). Onde conseguir esses dados? Você pode comprá-los em lojas de brinquedos, lojas de artigos nerds e na internet. Basta jogar "dados de RPG" no Google e você achará uma porrada de lojas vendendo esses dados. Mas, se você não quiser gastar ou estiver com pressa, basta encontrar um app para seu celular/tablet. Procure por "dice roller" ou "rolador de dados" em sua loja de aplicativos e pronto! Não tem celular nem tablet? Bom, se você está lendo isso, tem computador e acesso a internet, então, é só baixar um rolador virtual aqui. Por fim, se tudo isso não for de seu agrado, faça como fizemos quando começamos a jogar, lá nos anos 90: escreva os números em papéis e sorteie. Ou faça os próprios dados de papel (pesquise sobre "sólidos de Platão").
Dados de RPG (sim, são lindos!) e ficha de personagem: tudo pronto para o jogo!

4º O Resto
Agora, só falta papel, caneta, lápis e borracha. Se quiser, imprima fichas de personagens para cada jogador. Eu, pessoalmente, prefiro fazê-las em  caderno, organizando as informações conforme meu gosto pessoal. A ficha contém as informações sobre o personagem, dizendo como as regras determinarão o destino dele.

Pronto! Você já tem tudo o que precisa para começar a jogar RPG! Agora, baixe os PDFs, leia atentamente as regras e tente criar alguns personagens. Semana que vem, continuamos nossa jornada! Boas rolagens!

P.S: qualquer dúvida, estamos aí para resolver!
Prof. AlessandroAlessandro é professor de Inglês, Espanhol, Português, Religião e Literatura devido à profissão. Cineasta, cientista, astrônomo (não astrólogo...), artista plástico, ator, músico, linguista, poliglota, crítico e escritor devido à paixão. Leitor, RPGista, nerd, cinéfilo, enólogo e ocultista devido à diversão. Maníaco por cultura devido a algum mal genético. Ah, e chato, por pura força de vontade.

Um comentário:

  1. Olá, gostaria de saber se abandonou o blog? Realmente achei boas matérias e informações muito interessantes, pena que a última ja faz mais de um ano.

    Se possível, volte a escrever, acredito que muitos como eu, apreciam e tiram proveito de Bloggers como você!

    ResponderExcluir

Seja um comentarista, mas não um troll! Comentários com palavrões ou linguagem depreciativa serão deletados.